Diabetes

Diabetes Sua Saúde

Sobre essa Doença

Sobre o Diabetes

O diabetes é uma doença em que o corpo não produz insulina suficiente ou não a utiliza adequadamente. A insulina é um hormônio que é necessário para converter o açúcar, amidos e outros alimentos em energia necessária para a vida diária.

A causa exata do diabetes é desconhecida, embora fatores genéticos e ambientais, bem como questões de estilo de vida (por exemplo, a obesidade e a falta de exercício) pareçam tomar parte nela.

Existem dois tipos principais de diabetes, conhecidos como tipo 1 e tipo 2.

Sobre o Diabetes de Tipo 1

O diabetes de tipo 1 é frequentemente diagnosticado em crianças e adolescentes e, por esse motivo, já foi denominado “diabetes juvenil”. No entanto, pessoas de todas as idades podem ser diagnosticadas com diabetes de tipo 1. A causa é desconhecida, mas parece haver uma forte ligação familiar que pode ser desencadeada por fatores ambientais tais como vírus. O diabetes de tipo 1 não parece estar relacionado a estilo de vida ou obesidade.

O diabetes de tipo 1 ocorre mais frequentemente em crianças e adultos jovens e compreende de 10 a 15% dos casos de diabetes na Austrália. 1

Sintomas

Os sintomas do diabetes de tipo 1 podem variar amplamente. Podem incluir aumento da sede e micção frequente, perda de peso, fome extrema, vômitos, dor abdominal e fadiga. Mulheres com diabetes de tipo 1 também podem parar de menstruar.

Causas

No diabetes de tipo 1, o pâncreas não consegue produzir suficiente insulina, o hormônio que ajuda as células a usar o açúcar no sangue (glicose) como energia. Este é o resultado de um processo autoimune. Não há atualmente nenhuma maneira conhecida de prevenir o diabetes de tipo 1 e não se compreende por que algumas pessoas a adquirem e outras não. Ao contrário do diabetes de tipo 2, não há nenhuma relação conhecida entre o diabetes de tipo 1 e o peso corporal, colesterol ou pressão arterial elevada.

Fatores de Risco

Um histórico familiar de diabetes de tipo 1 pode aumentar o risco. Outro fator que pode aumentar esse risco são certas infecções virais.

Diagnóstico

Muitas pessoas primeiramente são diagnosticadas com diabetes tipo 1 após serem hospitalizadas com sintomas causados pelo excesso de açúcar no sangue (hiperglicemia) ou muito pouco açúcar no sangue (hipoglicemia). Os médicos, em seguida, farão uma série de testes para verificar se há cetoacidose, uma condição que pode levar ao coma e à morte. Os exames de sangue irão ajudá-los a determinar o seu nível de açúcar no sangue (glicose) e obter uma indicação do quanto de insulina está sendo produzido.

Sobre o Diabetes de Tipo 2

Embora tenha recebido a denominação de “diabetes do adulto”, crianças e adolescentes podem também desenvolver o diabetes tipo 2.

Sintomas

Muitos dos sintomas do diabetes tipo 2 podem parecer inofensivos no início. Na verdade, você pode ter diabetes tipo 2 por anos sem sabê-lo. Os sintomas de açúcar elevado no sangue (hiperglicemia) podem incluir aumento da sede e micção frequente, fome extrema, fadiga e visão turva.

Outros problemas podem ocorrer devido ao elevado nível de açúcar no sangue durante um período prolongado de tempo. Estes problemas podem incluir infecções frequentes que são lentas para curar ou formigamento e dormência nas mãos ou nos pés. Homens com diabetes de tipo 2 podem experimentar disfunção erétil. Ao detectar o diabetes cedo, você aumenta suas chances de se manter saudável e experimentando menos sintomas.

Causas

Pessoas com diabetes de tipo 2 ou não produzem insulina suficiente ou as células do seu corpo podem não responder adequadamente à insulina que produzem (resistência à insulina). Não se sabe exatamente a razão pela qual isso acontece. Parece haver uma relação entre o diabetes de tipo 2 e a obesidade, colesterol alto ou pressão arterial elevada. No entanto, muitas pessoas com estas condições não se tornam diabéticas. Da mesma forma, as pessoas que desenvolvem diabetes de tipo 2 podem ter níveis de colesterol, pressão arterial e peso corporal normais.

Fatores de Risco

Há um número de fatores que podem aumentar seu risco de desenvolver diabetes de tipo 2. Estes incluem histórico familiar, etnia, peso, inatividade, idade, pré-diabetes (uma condição em que o açúcar no seu sangue é maior do que o normal) e diabetes gestacional (diabetes que se desenvolve durante a gravidez).

Diagnóstico

Os médicos usam exames de sangue para detectar o diabetes. Geralmente, seu médico irá lhe pedir que evite comer antes que ele ou ela colham uma amostra de sangue. A amostra será enviada a um laboratório, onde serão medidos seus níveis de glicose (açúcar). Alguns médicos também podem executar este teste em seu consultório com um medidor de glicose.


Referências

1

www.jdrf.org.au O que é diabetes? Ficha Informativa

2

Australian Bureau of Statistics, Year Book Australia 2008, Table 11.21

Referenced path does not exist