Bexiga hiperativa

Bexiga hiperativa Sua Saúde

Sobre essa Doença

Sobre a bexiga hiperativa

A maioria das pessoas não se sente confortável para discutir problemas de incontinência urinária com amigos, familiares e nem com o médico. Mas se você sofre com sintomas de bexiga hiperativa (BH), você não está sozinho. Milhões de pessoas em todo o mundo sofrem de BH, 1 que é definida como incontinência de frequência e necessidade urgente. Por isso usamos nosso conhecimento sobre neuromodulação para desenvolver um tratamento inovador para o controle da bexiga.

Definição

A bexiga hiperativa impede que você controle o momento de urinar e a quantidade de urina. De forma inesperada, a urina pode escapar em pouca ou grande quantidade, ou você pode ter de ir ao banheiro com muita frequência.


Sintomas

Existem diferentes tipos de bexiga hiperativa:

  • Frequente vontade de urinar (urgência e frequência)
  • Incapacidade de segurar a urina/escape (incontinência de urgência)
  • Escape causado por contrações abdominais (incontinência de esforço — a neuromodulação não trata esse tipo de incontinência)

Fatores de risco

A bexiga hiperativa (BH) não é uma doença comum ao envelhecimento. Gravidez e parto, obesidade, músculos pélvicos fracos, diabetes, câncer ou pedras na bexiga, além de distúrbios neurológicos podem contribuir para a bexiga hiperativa (BH). Além disso, certos medicamentos, alto nível de cálcio, constipação ou a falta de exercícios físicos também ser considerados fatores de risco.


Diagnóstico

Converse com seu médico sobre seus sintomas e como eles afetam o seu dia a dia. Seu médico fará um diagnóstico com base nos seus sintomas.


Referências

1

Current Medical Research and Opinion 2004;20(6):791-801

Milson l, et al. How widespread are the symptoms of an overactive bladder and how are they managed? A population-based prevalence study. BJU INT. 2001; 87: 760-766.

Referenced path does not exist