Doença arterial coronariana

Doença arterial coronariana Sua Saúde

Opções de Tratamento

Opções de Tratamento para a Doença Arterial Coronariana

Você pode tomar uma série de medidas para controlar a doença cardiovascular. Tomar medicação. Mudar sua dieta. Fazer exercícios. Quando essas alterações não são suficientes, seu médico pode recomendar um implante de stent ou cirurgia de revascularização.

Seu médico irá determinar o melhor tratamento para você com base nos problemas subjacentes, onde e qual a gravidade de seus bloqueios, e os seus riscos futuros.

Terapia farmacêutica

Quando a aterosclerose é identificada na fase inicial, medicamentos tais como nitratos, betabloqueadores, bloqueadores dos canais de cálcio, aspirina, ou redutores de colesterol (estatinas) podem ser prescritos. Estes medicamentos podem retardar o progresso da doença ou aliviar seus sintomas.


Cirurgia de revascularização

O enxerto com cirurgia de revascularização do miocárdio, ou “CRM”, é um procedimento cardíaco comum. Um cirurgião retira uma seção de um vaso sanguíneo saudável de sua perna, peito ou braço. O vaso é então conectado (enxertado) à sua artéria coronária próximo ao local do bloqueio. Isso cria um novo caminho para o fluxo do sangue ao redor (revascularização) do bloqueio na artéria, para que ele consiga chegar ao seu coração.

Os pacientes submetidos à revascularização recebem anestesia geral e permanecem inconscientes durante a cirurgia. Dois procedimentos cirúrgicos de revascularização para doença arterial coronariana são: (1) cirurgia com o coração batendo e (2) cirurgia com o coração parado.

  • Cirurgia com o coração batendo – também conhecida como cirurgia sem circulação extracorpórea, a cirurgia com o coração batendo é feita enquanto o coração continuar a bater. Isso muitas vezes requer um equipamento especial, que permite ao cirurgião operar o coração enquanto ele está em movimento. A cirurgia com o coração batendo é apropriada para determinados pacientes.
  • Cirurgia com o coração parado – a maior parte das cirurgias de CRM são feitas através de uma incisão no peito, enquanto o coração está parado e uma máquina coração-pulmão assume a função de circular o sangue. Isso é denominado cirurgia com o coração parado ou cirurgia de revascularização convencional.

Tratamentos minimamente invasivos

Para alguns pacientes, a cirurgia arterial coronariana minimamente invasiva é uma alternativa para à cirurgia de CRM. Três tratamentos minimamente invasivos para a doença arterial coronariana (DAC) são a angioplastia coronariana com balão, implante de stent e cirurgia de revascularização do miocárdio (CRM) por minitoracotomia.

  • Angioplastia coronariana com balão – a angioplastia coronariana com balão, também conhecida como intervenção coronariana percutânea (pela pele) (ICP), utiliza um minúsculo balão para alargar o canal interior da artéria e permitir o fluxo sanguíneo em uma taxa normal ou quase normal.
  • Implante de stent – este dispositivo é implantado para se restaurar o fluxo sanguíneo na artéria coronária. Um stent é um pequeno e expansível tubo tipo “malha”, feito de metal como aço inoxidável ou liga de cobalto. Como em um procedimento de angioplastia, um stent montado em um balão minúsculo é aberto dentro de uma artéria para empurrar a placa e restaurar o fluxo sanguíneo.
  • Cirurgia de revascularização do miocárdio (CRM) por minitoracotomia – o procedimento com o coração batendo, acima descrito, pode ser realizadp por uma pequena incisão na costela, e não por uma esternotomia mediana.

Em alguns casos, stents e balões são utilizados juntos em um procedimento denominado terapia de stent e do balão.

Disclaimer

As informações contidas neste site não devem ser usadas no lugar de consultas médicas. Sempre converse com o seu médico para obter diagnósticos e informações de tratamento.